Compartilhe!

O Princípio do Apocalípse

aMariCamargosFotografiaInfantil-8A1C7846

Lembro quando era criança e brincávamos de “telefone-sem-fio”. Nos divertíamos muito e em algumas ocasiões, quando alguma pessoa mais velha coordenava a brincadeira, nos ensinava uma lição: “A informação passada de boca em boca, chega ao final oca”.

Observe que se a informação fosse passada diretamente do primeiro participante ao último sem intermediários, não haveria esse problema pois a mensagem seria entregue corretamente. Quando Deus deixou sua Palavra para nós, foi para que Ele se comunicasse diretamente conosco. Ele quis que os ensinamentos e mandamentos fossem revelados (apokalupsis ou Apocalipse), não apenas comunicados.

Quando um mandamento é apenas comunicado, mas não é revelado, se torna lei, ou seja, omandamento não se torna parte de nós (I Coríntios 15.56). Nós precisamos viver aquilo que nos é revelado, porque quando vivemos da forma que os outros dizem que devemos viver nos tornamos religiosos. A Palavra é revelada através do Espírito Santo, ela penetra e se torna parte de nós.

Quando ouvimos de segunda mão os mandamentos de Deus, nos tornamos vulneráveis ao engano. Temos que ter em mente que a revelação é a nossa maior arma contra o engano e que Deus quer se revelar a cada um de nós

A única forma de o conhecimento ser revelado em nós é uma atitude de humildade, quebrantamento e de temor diante da palavra de Deus (Isaías 66.5). Só aquele que tem esse temor obedece e não deixa o engano se instalar em seu coração (I João 2.26-27). Sobre o engano, ele endurece nosso coração para que não obedeçamos a Deus (Hebreus 3.11), mas quando obedecemos a Bíblia blindamos nosso coração do engano, das mentiras (sofismas) e das ilusões de satanás.

O povo de Israel vez após vez sofria porque não “conhecia” a Deus e os seus corações eram enganados. Não tinham a revelação do Deus Jeová. Era a revelação de Deus a apenas um homem e este homem comunicava ao povo as ordenanças de Deus. Esse conhecimento está em Oséias 4.6 e refere-se a buscar conhecimento. Em Oséias 6.3 diz: “Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como a chuva serôdia que rega a terra”. No livro de I João 3.1b diz: “Por isso o mundo não nos conhece; porque não conheceu a Ele”. Repare que a palavra conhecer é a mesma usada em Mateus 1.25, que serve para descrever o ato sexual entre homem e mulher, é o conhecer intimamente e completamente. Deus quer nos conhecer nessa intimidade para se revelar a nós.

Somente a Palavra (viva) é a que discerne os pensamentos e as intenções do coração. Hebreus 4.12 nos diz para abrirmos nosso coração para a verdade, buscar ao Senhor em humildade e não deixar que a letra (Logos) mate, mas deixe que a vida de Deus (Rhema) mude o seu interior.

Meu desafio é: gaste um tempo meditando sobre isso e peça a Deus em oração para que ele revele ao teu espírito o e você O conheça mais a cada dia.

Samuel e Débora Costa
Palestrantes, Treinadores da UDF e Consultores do Career Direct.
www.samueledebora.com

CONHEÇA NOSSOS CURSOS